O que faz a vida ser boa?

O que faz a vida ser boa?

O que faz a vida ser boa?O que nos mantém felizes e saudáveis ao longo de nossas vidas? Onde você investe sua energia e tempo? O que te move a seguir em frente a cada dia? Uma recente pesquisa mostrou que o objetivo mais importante para a geração millennial, em mais de 80% dos casos, é ficar rico. Desses jovens, 50% ainda consideram ficar famoso outro grande objetivo de vida.

Atualmente somos pressionados a trabalhar em longas jornadas, a atingir metas cada vez mais estressantes , entregar constantemente e conquistar mais e mais. Isso nos mostra que essas coisas devem ser mais valorizadas do que uma boa qualidade de vida. Mas será que é isso que nos realiza e de fato nos faz mais saudáveis e felizes?

Uma das maiores e mais longas pesquisas já realizadas, The Harvard Study of Adult Development, acompanhou por 75 anos a vida de 724 pessoas nos Estados Unidos. Ano após ano, os pesquisadores acompanharam seus trabalhos, hábitos e rotinas, suas vidas familiares, saúde e também como suas vidas seguiram ao longo desses anos.

Essa pesquisa mostrou que após décadas e décadas de acompanhamento, o que moveu essas pessoas não foi riqueza, fama ou anos de trabalho pesado, mas sim, as boas relações humanas, os vínculos afetivos que foram criados entre familiares, amigos e companheiros.

A pesquisa apontou três grandes lições sobre relacionamento humano:

A primeira lição é que nossas conexões sociais são extremamente benéficas para nós e que a solidão pode matar. Isso demonstra que pessoas que são mais socialmente conectadas com familiares, amigos e comunidade são mais felizes, psicologicamente mais saudáveis e vivem mais. Pessoas que vivem isoladas tendem a serem menos felizes, menos saudáveis, viverem menos e até perdem mais cedo algumas funções cerebrais.

A segunda lição é que não importa o número de amigos que temos, mas sim a qualidade das amizades e dos relacionamentos. Afeto e carinho são a base de boas relações.

A última lição é que boas relações não protegem somente a nossa saúde, mas também nosso cérebro. Relacionamentos que nos dão segurança emocional são benéficos para nossa memória e nos impulsionam a vivermos mais.

Dentro do DeROSE Method buscamos uma forma mais sensível e amorosa de nos relacionarmos com nossos familiares, amigos, parceiros e até mesmo desconhecidos. Somos uma cultura, um estilo de vida que busca por aprimoramento e desenvolvimento constantes, inclusive na forma como nos relacionamos com o próximo.

Utilizamos técnicas que aprimoram o indivíduo, desenvolvendo capacidade pulmonar, ganho de vitalidade e energia, bem como tônus muscular e flexibilidade, administração das emoções e desenvolvimento de mais concentração e foco. Associado às técnicas trabalhamos a reeducação comportamental como forma de estabelecermos melhores relações humanas, impactando positivamente na maneira como interagimos com o mundo em que vivemos.

“Não há tempo, tão breve é a vida, para brigas, desculpas, rancores, justificativas. Só há tempo para amar, e apenas um instante, por assim dizer, para isso.” Mark Twain.

Fonte: TED Robert Waldinger
Para mais conteúdo acesse:
https://www.facebook.com/derosefanpage

Por Roberta Parente
Instrutora do Espaço Itaim do DeROSE Method

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no print

Agende sua experiência

Próximos Eventos
abr 18

Aula gratuita no Parque do Povo

18 de abril de 2021, 10:00 - 11:00

Inscreva-se na nossa newsletter