O Poder da mentalização
O Poder da mentalização
Larissa Luna

Larissa Luna

O Poder da mentalização

Uma técnica muito eficaz que utilizo para me preparar para uma prova de IronMan é a mentalização.


Enquanto os treinos específicos das modalidades preparam meu físico, a mentalização prepara meu emocional e mental para o grande dia. Sei que estou pronta para o desafio quando me emociono ao mentalizar a linha de chegada. Esta técnica também é muito utilizada por atletas de ponta. Mas afinal, o que é mentalização?


No dia a dia, nossa mente cria centenas de imagens desconexas, caóticas, aleatórias, que muitas vezes não contribuem em nada para nossos objetivos, muito pelo contrário, podem surgir pensamentos negativos e que nos jogam para baixo. Na maior parte das vezes, esse processo é inconsciente, nem nos damos conta de que isso está acontecendo. A mentalização é exatamente o oposto, é um processo racional, consciente e organizado, que tem o poder de modificar a matéria para processar a transformação desejada. Para tanto usa-se as ondas mentais que criam as condições favoráveis para que o que se deseja ocorra. Canaliza as vibrações da consciência na direção dos objetivos, deixando de lado a mente caótica.
O plano mental é a primeira fase para a concretização física de um acontecimento. Um exemplo simples é criarmos primeiro em nossa mente a casa dos nossos sonhos, para depois coloca-la no papel e só depois passar para a execução da obra.


Tudo começa no pensamento, somos consequência do que pensamos.
Para ter uma ideia do poder da mentalização, foi feita uma experiência com alguns atletas nas Olimpíadas de 90, onde deveriam apenas mentalizar a disputa, como se estivesse ocorrendo naquele instante. Apesar de utilizarem apenas o pensamento, os músculos desses atletas foram ativados como se estivem efetivamente se exercitando.


Dê um google em “Visual Motor Rehearsal” e faça o teste em você. No livro “A Física do Sucesso”, de Natalie Reid, há a menção a uma pesquisa, também feita com um grupo de atletas, onde o 1o. grupo treinou, o 2o. grupo interrompeu o treinamento e 3o. só mentalizou. O resultado foi que o 1º. e 3º. grupos apresentaram o mesmo resultado em performance, tendo o 2º. piorado.


Claro que não estou recomendando que você pare de treinar e apenas mentalize. Bem porque, com ação efetiva, o que mentalizarmos de bom se tornará realidade em um curto espaço de tempo. O que estou propondo é você obter um resultado ainda melhor utilizando esta ferramenta.
Como eu faço: mentalizado durante meus treinos exatamente como será o dia da prova. “Ouço a buzina da largada, me imagino entrando no mar. Sinto a água no rosto, cada braçada, me vejo curtindo cada metro da natação. Sempre com a fisionomia leve, um sorriso no rosto e muito feliz.
E assim faço para cada modalidade e transição, até a hora que avisto o pórtico. Me vejo aproximando dele, sorrindo, com a musculatura forte, me sentindo bem e alegre por mais uma conquista.” O reforço positivo é sempre importante, evite negação como: “não estarei com dor”, “não sentirei medo da água, “não vou me acidentar” …


Mentalize isso com constância, da mesma forma que você tem disciplina nos treinos. Mentalize para qualquer ação do seu dia a dia, aplicando não apenas no esporte, mas também na sua vida profissional, pessoal e estudos.
Com o tempo, a mentalização se tornará automática. Aquilo que você mentalizou se concretiza da forma como você desejou (ou até melhor).
 
Surpreenda-se! Por Ale Filippini

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no print

Agende sua experiência

Próximos Eventos
abr 18

Aula gratuita no Parque do Povo

18 de abril de 2021, 10:00 - 11:00

Inscreva-se na nossa newsletter